05 setembro 2016

Internanço

«É que nós nem temos culpa, mas cada tuga já tem entranhado no ADN pelo menos o refrão de cada música dos Xutos»
Resultado de imagem para ming plz deviantart
   YoYo gentes! :D Vão dizer que não, é? Nem me mintam, que seja qual for a música, cada português  sabe pelo menos o refrão u-u Xutos é vida, Xutos é tesouro nacional ~ vejam lá se foi o hino que se cantou quando demos a abada àqueles franceses?
  Enfim, isto é muito destoado daquilo que venho para falar ~ Estamos a quê, picos de Setembro?, e eu ainda nem sei quando me começam as aulas •u• Acho que é dia 15 ...? Nem sei mesmo, mas honestamente, podiam começar lá pelo Natal que por me era igual ao litro :'D Porque, falando a sério, ainda me falta muito para preparar antes de regressar a mais um ano de internamento intensivo naquele manicómio escola Resultado de imagem para stare deviantart

1. despertadores, meus amores ♥

Resultado de imagem para ming plz deviantart   Eu não sei como é com vocês, mas eu sou daqueles desperdícios de vida que precisa de quatro despertadores para se mentalizar que precisa de se levantar ~ A vida é ruim quando, depois de um Verão idílico a estrafegar almofadas até às duas da tarde idílico porque exame de Português vêm já no 12º, o pobre do desgraçado tem de voltar a espevitar àquelas boas 7 matutinas para ir olhar para as fronhas lindas dos professores bem-humorados que nos fazem o dia (: A vida é bela.

2. avia-te depressa, não faças pó
   E agora vem a altura em que, seja de bicicleta, a patas, de mota, de transporte ou de papá, que nos temos de levantar cedo para caramba para levar com as pressas de mais alguém: quando não é o nosso motorista particular quem tem classe pode, é muitas das vezes mesmo a pobre da pressa daquele voluntário cheio de vontade que toda a campainha todas as santas manhãs~ Não, não se sintam mal: os funcionários e professores devem ter a mesma vontade que nós de voltar às rotinas ^3^

3. saudade é tão tipicamente português ... (':
   O raio parta que é! Sim, saudades daqueles pêlos mal aparados que aturam as minhas idiotices oito horas sobre cinco dias da semana 8/5, mas o resto bem que pode ficar a léguas de mim e morrer lá queimado que eu não vou cansar a beleza a pensar nisso ^ u ^ ... digam lá que não soei como a vossa voz aí dentro dessas cabecinhas lindas, de quando em vez! Confessemos: o que faz a escola linda são aquela dúzia de gente linda com que nos damos, e o resto é só verbo de encher na semana das listas c:

4. é bom que metade da escola tenha transferido
epah, o ex transferiu, portanto ... feliz que baste :DD não é mentira, ou não será realidade para ninguém, amar todos incondicionalmente como gostaríamos de conseguir fazer, porra! Há sempre aquele focinho mal barbeado que nos desatina, senhores, não me venham cá dizer que não !! Ò_Ó Sejam peruas, sejam os players, sejam aqueles só mesmo chatos que tudo quanto querem é só mesmo dizer-vos que vocês são todos lindos eu :DD, a verdade é que cada noite nos deitamos a pedir aos anjinhos todos que essa escória apareça na manhã seguinte a apanhar o comboio para o concelho ao lado • u •

5. e agora, professores ... como é?
   Eu stresso para caraças com isto. Mas stresso mesmo, porra, porque o ano passado, fui entrar super-confiante para a aula de português e deparei com a fuça da mulher que me ensinou francês no 8º ònó (post sobre ela aqui e-e) . Jamais. Quero saber as coisas com antecedência, porra, ou faço motim e barrico-me na escola cantando a People's Song e com três ou quatro outros revoltadinhos da vida a agitar bandeiras atrás de mim.
Resultado de imagem para peoples song miserables gif
// a gente é muito miserável mesmo//

   É isto, crianças, a escola vai começar e eu na ignorância c: e não só porque já esqueci tudo do manual de Geometria ! :D Seja como for, vai tudo correr bem! ... Vai não vai? Digam que sim, ou fujo para o Paraguai no próximo avião ;n; Faltou alguma coisa? Nahh, só as resmas de material que agora começam a entrar em casa com mais força que quatro enxurradas.  
:iconminghideplz:fui.

Sem comentários:

Enviar um comentário