25 setembro 2017

o que jamais lhe direi

     Então, calamares?? Topem e apreciem o esforço de ser assídua no blog :') mesmo que esteja, como diria o meu pai, a mijar para a parede Bem, se há coisa que nunca me farto de fazer é listar (para quem não reparou, os meus posts consistem em listas mesmo Resultado de imagem para stare.deviantart ), então hoje decidi arriscar uma novo listas daquelas que se materializam naquelas noites em que choramos baba e ranho abraçados à almofada e nos lembramos de mais motivos para chorar e damos por nós e somos uma bolinha emocional a rolar pela enorme montanha de fracasso que é a nossa vida ! ...
     eheh. Pois. Isso. Quem nunca, não é? :iconmingplz:


     Bem, coisa com que eu não lido bem é a Morte -- e com "não lido bem" o que eu quero dizer é que a coisa fica puramente constrangedora. Eu de luto pareço um sorvete de limão -- o bicho é frio e amargo como tudo, mas derrete bastante facilmente. Regra geral, em momentos não tão bons da minha vida eu não choro pelo que foi ou como acabou ... eu choro pelo que teria sido ou não foi. #trouxa
     Quando me morreu o meu avô (actualizem-se e conheçam o beirão aquiaqui e aqui) eu estava em paz (tão impassível que pensaram que eu era intrusa no funeral. chupem teresas). Mas ora aqui está aquilo que, se me tivessem lembrado ou dito, me teria feito chorar como um bebé sem chupeta juntamente com aquilo que ainda hoje me deprime D':


1. o nosso copo de vinho, pah?
   Quando percebemos que tinha finado, o meu pai e eu entreolhámo-nos e lembramo-nos do sono do meu avô: beber um copo de vinho comigo. Estava à espera do meu 18º aniversário, e todos os anos fingia que era esse o ano em que bebíamos o nosso copo de vinho. Eu contava dezasseis anos, e quando comecei a beber não tinha nem dezoito nem foi vinho ... eheh. Não façam isso, crianças.

2. eu ia levar-te palavras cruzadas na terça-feira.
   Estava a planear a porra da minha visita ao hospital para te levar um jornal com as palavras cruzadas que tanto gostavas. Ia na terça. O funeral tinha mesmo de calhar à terça, gente?

3. crispim é um bom nome?
   É. Eu sei que é. Mas gostas para nome de um teu neto??

4. esquece as Artes, vou mas é para Direito. 
   Orgulha-te.

• • • • • • • • • • • • • •

... mas não, vô, continuo comuna... rsrsrsrsrs brincs

   Affff
   É nisto que eu penso quando a insónia ataca e a depressão é aquele polícia que apanha mal a história e me ataca a mim também :) Chamem-me de maluca, mas eu sei que vocês não estarão melhor que eu  u - u humpf. Até parece.
   E vocês, loves?? Há algo que se arrependem de nunca ter dito? Contem coisas! Partilhar é terapêutico! :) podem falar com os vossos amigos, se preferirem ... não precisa de ser aqui com a desconhecida esgroviada

   BTW, acho boa ideia dar a novidade: lembram-se do meu amor sempiterno unicórnio às riscas, a Vady? Ora pois, como isto de um blog é como ir ao ginásio -- com um amigo é compromisso para acabar arroxando ambos -u- -- , decidi convidá-la!! :D A miúda é demais, e assim vocês? ahah podem contar com mais diversidade no blog! Talvez não se dê por esse nome, mas logo se vê   u v u
:iconlazywaveplz:
   Fiquem bem!! Té logue ~~ 

Sem comentários:

Enviar um comentário